Seminário Teatro Virtual

Seminário, 8 de junho de 2017, 17:30 – Palácio Ceia, sala INVITRO

_DSC9194 _DSC9182 _DSC9198 _DSC9192 _DSC9189 _DSC9195
<
>

Em 2004 surgiu um conceito inovador e pioneiro de utilização das novas tecnologias num processo democrático de criação teatral.
Utilizando a Internet como nova ferramenta de trabalho, possibilitando a comunicação e a interação entre as pessoas, independente da sua localização geográfica, idade ou formação. Uma vontade de fundir num só projeto o mundo artístico e o mundo tecnológico.
O projeto original foi financiado pelo Plano Operacional da Cultura | FEDER.

Este seminário/apresentação tem dois propósitos:
– Fazer uma apresentação e retrospetiva do que foi o projeto Teatro Virtual, criado e realizado em 2004.
– Lançar um debate para perspetivar a viabilidade de uma segunda edição do projeto nos dias de hoje.

1 Parte | 1:30h
Origem Contextualização |Génese do Projeto, Pré-Produção
Conceito | Fusão entre a Arte e a Tecnologia.
Projeto | Processo Criativo
Metodologia | Arquitetura do Projeto
Participação | Participantes, Produção
Apresentação Resultados | Pós-Produção, Visionamento
Balanço | Números, Conclusões
Questões | Participação Público

2ª Parte | 1:00/1:30h
Debate | Inquietações, Provocações:
Nova edição?, Nova metodologia?, Que moldes?, Plataformas e Interfaces 2017, Temas 2017?, Teatro Virtual | Jogo?,
Whatsapp | ARGs | Realidade Aumentada | QRCodes | Podcasts | Fluxos de informação.

Conclusão | Balanço da Ação

António Abernú – Nasceu em 1973. Frequentou o curso de Eng. Aeronáutica da Universidade da Beira Interior, Covilhã. Paralelamente entra para o Teatrubi, acabando no Centro Dramático de Évora a estudar Teatro. Trabalhou no Teatro das Beiras. Inicia simultaneamente um trabalha de direção e encenação em grupos de teatro amador e universitário. Participação como ator na XI Sessão da I.S.T.A. (International School of Theatre Anthropology) dirigida por Eugénio Barba. No Ano 2000, funda a ASTA – Associação de Teatro e outras Artes do Distrito de Castelo Branco. Orador convidado no V MITEU – Mostra Internacional de Teatro Universitário de Orense, Espanha. Em 2004 concebe e dirige o projeto Teatro Virtual, inserido no Plano Operacional da Cultura – FEDER. Curso de Marketing e Gestão em Serviços Educativos e Avaliação de Projetos e Atividades Culturais – Sete Pés. 1º Seminário Jovens Encenadores no Teatro Nacional D.Maria II, Lisboa. A convite da Biblioteca da Faculdade de Ciências e Tecnologia da U. Nova de Lisboa escreve, cria e interpreta: O homem que queria ser água – espetáculo de sensibilização sobre a água e os problemas ecológicos.
Mestre em Ciências da Comunicação, Especialização em Comunicação e Artes na FCSH, UNLisboa.
Moderador de Teatro Debate na Associação Usina.

Save

Save

Save

Save

Save